Como a recorrência pode te ajudar a aumentar o faturamento

Como a recorrência pode te ajudar a aumentar o faturamento
Felipe Nader

Felipe Nader

Designer formado pela Universidade Federal do Espírito Santo. Em 2008 decidiu empreender pela 1ª vez, fundando uma agência de publicidade em sociedade. Desde 2014 possui seu próprio estúdio, a Ave Design, com mais de 200 clientes nacionais e internacionais atendidos e projetos selecionados para premiações como Bienal de Design Gráfico, Brasil Design Award (BDA) e Fernando Pini. Em 2020 fundou o Design Camp, uma comunidade voltada para compartilhar conhecimento com Designers Empreendedores.

Na busca por vendas, muitas vezes encaramos a tarefa exaustiva de encontrar novos clientes. Mas e se a oportunidade estiver na recorrência de quem você já atendeu?

Como eu consigo novos clientes e como prospectar são duas das dúvidas que eu mais escutei desde que comecei a compartilhar conteúdo pelo Design Camp em 2020. E na busca por novos pontos de vista, investi parte do meu tempo observando o que os estúdios mais conhecidos do mercado nacional têm a dizer sobre esse assunto.

Infelizmente, as respostas compartilhadas por eles nem sempre parecem animadoras, variando entre indicações e premiações. Mas, vez ou outra, alguém sempre mencionava recorrência.

Em 15 de março de 2020 foi decretado o 1º lockdown no Espírito Santo, Estado onde está situado o meu estúdio Ave Design. De imediato deu pra sentir o tamanho do golpe, com propostas aprovadas sendo canceladas e reuniões sendo desmarcadas.

Mas mesmo não conquistando nenhum novo cliente nos 3 meses seguintes, sobrevivemos com saldo positivo, graças às novas demandas oriundas de empresas que já eram atendidas pela Ave. De repente, ficou claro para mim que havia uma situação promissora acontecendo e que eu não aproveitava até então, a recorrência.

Recorrência e esteira de serviços

Ainda em 2020 decidi ajustar minha estratégia comercial e repensar minha esteira de serviços para oferecer projetos que permitissem vincular os clientes ao estúdio por mais tempo, e passei a focar os esforços de prospecção na recorrência, tornando a venda algo muito mais natural, rápido e previsível.

Caso não esteja familiarizado com o conceito de esteira de serviços, pense em algo similar à uma linha do tempo de consumo que o cliente percorrerá dentro do seu estúdio até seus serviços se esgotarem. Por exemplo, posso fechar um contrato de identidade visual como 1º serviço e, posteriormente, contratos de peças gráficas, embalagens ou website.

Essa esteira também pode ser desmembrada através da oferta de serviços únicos, como demandas pontuais propostas aos clientes existentes sempre que o movimento estiver calmo ou precisar aumentar o faturamento. Se um cliente solicitar uma adaptação de cardápio impresso para o digital, você pode fazer essa sugestão para outros clientes também, por exemplo.

Dessa forma, consigo trazer uma recorrência saudável ao estúdio sem ficar preso a contratos de fee mensal e respeitando meu nicho de atuação (id. visual, embalagens e site).

A recorrência fideliza os clientes

Uma outra vantagem desta postura que também pude sentir ao longo do tempo é a fidelização de um número muito maior de clientes. Pode até não parecer, mas clientes adoram receber ideias e sugestões de novos projetos, enxergando nesta atitude uma parceria de valor nos fornecedores que o fazem.

Com o tempo você perceberá que quanto mais sugestões de novos projetos oferecer, maior será a demanda por este tipo de serviço, garantindo fidelização, estabilidade financeira e tranquilidade ao seu estúdio.

Gostou do artigo mas ainda tem dúvidas sobre recorrência? Deixe-a nos comentários que vamos responder.

Assuntos abordados

Notion Master Backoffice Template

escolhas do editor

MAIS LIDAS

MAIS RECENTES

Deixe seu comentário

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Thiago marlon
1 ano atrás

Esse artigo é muito necessário. Recorrência não é só sócia media, nós designers, temos que ter repertório para criar novas possibilidades.

Links Patrocinados

1
0
Would love your thoughts, please comment.x