Publicidade

design com proposito blog design com cafe

Você conhece o Design com propósito?

Compartilhe

Se você pensa que a função do design e do designer é só gerar lucro e agregar valor, você está enganado. O Design com propósito inspira outra perspectiva para o mercado. Vem comigo e vamos conhecê-lo!

Na época em que nem se falava em Design com propósito ou mesmo ESG, no ano de 2013, eu pesquisei em meu TCC sobre a função social do design(er) e como seria a atuação do campo e do profissional com preocupações sociais.

Da mesma forma, tive que desbravar um tema que foi evoluindo para “Design de Impacto Positivo” até se configurar em “Design com propósito”.

Por causa disso, eu entendi que o campo e o profissional se misturam quando precisa exercer uma função social, então isso só é possível se a atuação de ambos estiver carregada de propósito, ou seja, contra a lógica de uma economia de mercado.

Há a possibilidade de um Design com propósito e um designer com propósito – o que é o cumprimento de uma função social, e é o que vamos ver a partir de agora.

Ter propósito não é só projetar para inovação

Design com propósito não é só um slogan bastante repetido hoje em dia que é assimilado por diversos designers. Também não é o meio pelo qual se projeta para inovação. Ele ocorre quando o profissional que atua, tem valores sólidos e os coloca em prática, baseando-se no princípio de trabalhar para que o mundo seja um pouquinho menos ruim.

Isso independe se está se projetando um produto ou serviço; fazendo o design de uma identidade visual, o projeto gráfico de uma revista ou a comunicação de uma causa. Seus valores orientam suas escolhas, que pela sua atuação, cumprirá seu propósito.

design com proposito designer projetando no tablet com referencias no computador

Design com propósito muito antes de ser um conceito

Um ponto de partida bem distante do qual podemos analisar cases onde o design com propósito foi empregado, são as atuações dos designers Pierre Bernard e Gérard Paris-Clavel, na França de 1968, junto ao coletivo Atelier Populaire. 

Esse grupo foi a reunião de designers gráficos, artistas e trabalhadores operários que se reuniram em forma de protesto à situação de extremo descontentamento e revolta popular na época, ocupando as oficinas de impressão da Escola de Belas Artes de Paris.

Insatisfeitos com o governo do general Charles De Gaulle, em que predominavam greves, desemprego, pobreza e o autoritarismo de seu governo, o Atelier Populaire foi um dos grandes exemplos do design gráfico enquanto forma de protesto.

design com proposito parede do atelier popularie da escola de belas artes de paris em 1968

Os pôsteres produzidos pelo Atelier Populaire eram como armas a serviço da luta e são parte inseparável dela. Seu lugar correto era nos centros de conflito, isto é, nas ruas e nas paredes das fábricas. Usá-los para motivos decorativos, mostrá-los em lugares da cultura burguesa ou considerá-los como objeto de interesse estético seria depreciar tanto sua função quanto seu efeito. Isto porque o Atelier se recusava a pô-los à venda. 

Considerações finais

Essa conversa não vai parar aqui. Em outros artigos vou lhes apresentar mais cases. 

Então, leitores, vocês devem ter aprendido que para ter propósito é preciso conhecer e trabalhar seus valores e que Design com propósito não é só um slogan e sim uma atitude de quem quer minimizar as mazelas deste mundo.

Por fim, me despeço agradecendo a sua leitura, e te recomendo dedicar um tempo para assistir o vídeo abaixo onde Juliana Luna falou no TEDxUERJ sobre a importância de descobrirmos nosso propósito e nossa identidade pelo conhecimento de nossas raízes.

Compartilhe

Rodrigo Lucio

Rodrigo Lucio

Fundador e designer pelo negócio social BemCria, onde atua junto a MEIs, MPEs e o Terceiro Setor e que quando captar recursos será uma Agência-Escola para estudantes de cursos relativos a Economia Criativa. Pesquisador do design com preocupações sociais, depois de muito esforço, se tornou amante de um café sem açúcar – se for gourmet melhor ainda.

Deixe seu Comentário!

Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
wherlom
wherlom
2 meses atrás

Muito bom Rodrio

Glaucio
Glaucio
2 meses atrás

Muito importante este tema!

charles
charles
2 meses atrás

É isso ai meu amigo. Nesses tempos contemporâneos, a correria é desenfreada, e é preciso parar, pensar, refletir, agir, conectarmos com as coisas do alto. E quando usamos os princípios da palavra, é certo que teremos sucesso.
grande abraço

Anúncio

escolhas do editor

MAIS LIDAS

MAIS RECENTES

3
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x