Blog sobre design, criatividade e comunicação :)

Memes, é pra isso que eu pago internet!

Por 4 de setembro de 2018Cultura e Curiosidades
Memes - Nazaré Tedesco - Turn Down For What
Próximo Post
Post Anterior

É indiscutível que a internet revolucionou nossas vidas com os serviços, redes sociais e informações em tempo real e sem barreiras geográficas. O tempo que ficamos conectados aumenta a cada dia e volta e meia nos deparamos com coisas engraçadas, que de repente todo mundo está compartilhando e muitas vezes nem sabemos de onde veio ou qual a referência. Estamos falando dos memes, uma indústria acelerada que não brinca em serviço.

Pra quem gosta desse tipo de conteúdo (quase todo mundo), é motivo de orgulho morar no país que é considerado um grande e bem sucedido polo industrial desses maravilhosos conteúdos. Quem nunca leu por aí que o Brasil é uma fábrica de memes ou o país dos memes ou ainda que brasileiro faz piada com tudo? Pois é, gente. Vamos ver um pouco de como isso surgiu e relembrar alguns clássicos.

memes-dinofauro-cafe

 

O que são memes

Em poucas palavras, memes podem ser fotos/desenhos, em muitas vezes com frases em letras garrafais; gifs ou vídeos curtos; sons ou músicas e textos, que quase sempre usam de uma boa dose de humor e se espalham rapidamente pela internet.

A palavra meme vem do grego e significa “imitação”. Foi usado pela primeira vez em 1976 pelo escritor britânico Richard Dawkins em seu bestseller O Gene Egoísta. O conceito é bem amplo, mas em resumo ele descreveu meme como uma informação que se multiplica de cérebro em cérebro ou em locais onde a informação é armazenada (como livros).

meme-fabrica-chocolates-jura

Claro que na época, Richard Dawkins não estava se referindo a internet nem a tecnologia, o assunto era genética. Todavia ele estava definindo claramente o que chamamos hoje de conteúdo viral, um tipo de informação que tem o poder de autopropagar-se (gerar compartilhamentos espontâneos).

Um conteúdo viral, muitas das vezes é criado “sem querer”, porém as agências de publicidade e comunicação tem se esforçado para planejar intencionalmente ações para obter esse resultado, o chamado marketing viral. Uma estratégia relativamente barata que explora as redes sociais e as conexões das pessoas para se espalhar organicamente e, geralmente, aposta em conteúdos, personagens ou personalidades que já estouraram na web (como memes) para dar um empurrãozinho e garantir o sucesso da campanha.

 

Veja uns bons exemplos disso:

A campanha dos Pôneis Malditos da Nissan, que mostrou uma forma bem descontraída e engraçada do animalzinho bastante querido.

 

Head & Shoulders da P&G com Joel Santana (Donti Révi Caspa). Fazendo piada com o famoso inglês do ex-treinador da seleção brasileira, que viralizou depois de uma coletiva.

 

Itaú – Sem Papel, que aproveitou o sucesso do bebezinho que dava boas gargalhadas quando seu pai rasgava papéis.

 

Festival Cheddar do MC Donalds, que misturou muitos memes famosos com o mote que todo mundo encaixa com Cheddar e Bacon.

 

Brasil, fábrica de memes

A gente adora fazer piada de tudo, né? Seja do entrevistador que cometeu uma gafe ao vivo; da celebridade que fez uma cara estranha; do jogador de futebol que caiu; do gatinho engraçado, dentre muitas outras. Na minha opinião o surgimento dos memes para o brasileiro é a ilustação daquela frase “essa arma é poderosa e não pode cair em mãos erradas” kkkkkkkk;

Um dia desses, eu li um artigo no site da BBC, que mencionava entrevistas com fundadores e administradores das maiores comunidades brasileiras de criação de memes. Os números são impressionantes e respondem aos questionamentos de muita gente: “Caramba, como isso foi criado tão rápido!”, “Nossa, num tem nem meia hora que aconteceu o fato e já virou meme”.

 

Memes - Impressionado

 

Sabemos que existem vários blogs, canais do Youtube, perfis do Instagram e páginas do facebook especializadas em criação de memes. A grande maioria delas com métodos e processos que profissionalizaram a coisa e geralmente são alimentadas pelos próprios fãs, que quando se destacam viram moderadores.

Eu fiquei espantado e acho que você também vai ficar com esses dados, mas algumas dessas páginas ou fábrica de memes, contam com mais de 1 milhão de integrantes (fãs) que contribuem com até 5 mil montagens diariamente. Chegam a alcançar mais de 20 milhões de pessoas por semana e algumas publicações ultrapassam 30 mil reações.

Meme - gato impressionado

O fundador da SAM (South America Memes – Máquina de Memes Abert), Gabriel Felix de apenas 18 anos, conta que sua comunidade de colaboradores possui mais de 600 mil pessoas. A geração de conteúdo dessa galera exige que uma equipe de 30 moderadores revezem 24h por dia para dar conta de filtrar tudo e selecionar o que vai ser postado. A média é que apenas 1% de tudo passe pelo crivo.

 

memes-futurama-pergunta-dinheiro

 

Agora você deve estar se perguntando como essa galera ganha dinheiro, né? Segundo a entrevista da BBC, muitos deles relataram que fazem tudo por pura satisfação e diversão e no máximo vendem umas camisetas.

Eu num sei você, mas eu fico na torcida que eles encontrem uma forma de ficar rico com isso, porque eles merecem 🙂

 

Os primeiros memes da história

Não que eu seja velho, mas eu lembro dos memes que fizeram sucesso em vídeos e animações postadas nos primórdios das redes sociais ou que eram compartilhados por email ou no infravermelho do celular. Vou listar alguns aqui e se você lembrar de todos eles, eu sinto em te dizer: estamos sim, ficando velhos rs.

 

Bebê dançarino

Considerado um dos primeiros memes. Trata-se de uma animação 3d de um bebê dançando, feita por um estúdio em 1996 que virou hit, chegando até a ser mostrada numa série famosa de TV. O original foi feito em gif, mas hoje você acha várias versões com trilha sonora no Youtube.

Meme - Bebê dançarino

 

Vaca Louca

Surgiu em 1998 e rolava através de uma imagem interativa no word, onde perguntava: Você sabe a diferença entre a vaca sã e a vaca louca? Você clicava sobre a imagem delas para ouvir o som. Abaixo tem a adaptação feita pro Youtube.

 

A Baratinha

Uma animação muito tosca que viralizou em 2002, onde uma baratinha, depois de “atacada” de várias formas pelo humano, xingava muitas e muitas vezes. A versão original era interativa e você escolhia a forma para tentar matar a barata, mas como tudo, foi adaptado para o Youtube (cuidado porque tem muito palavrão).

 

O Mamute Pequenino

Infelizmente eu não achei e não lembro exatamente a data que essa animação foi criada, mas foi no mesmo período dessa baratinha aí em cima. O vídeo conta a história de um mamute pequenino que queria experimentar as coisas da vida (voar, usar drogas, sexo, etc) e sempre achava um “amigo” pra ajudar. O final, infelizmente é trágico (cuidado porque tem muitos palavrões).

 

Daileon e Jaspion (O Cara “Tussiu”)

Uma paródia bastante nada a ver da música tema do seriado japonês Jaspion, ilustrada com uma animação pra lá de inusitada, que surgiu em 2004 e bombou bastante por um longo período (cuidado porque tem muita besteira).

 

Chuck Norris

Acredito que todos lembram dos famosos filmes do Chuck Norris. Mostrando sempre um homem implacável e invencível, possuidor de habilidades inacreditáveis, seja no corpo a corpo ou atrás de uma arma.

Em 2005 um programa de TV bastante conhecido nos Estados Unidos começou a brincar com os poderes de Chuck, criando frases muito bem humoradas. A piada deu tão certo que até hoje a gente vê essas frases (e outras novas) por aí e muitas delas foram até usadas no filme Mercenários 2.

Memes - Chuck Norris

 

Vamos relembrar algumas clássicas:

  • Uma vez uma cobra mordeu Chuck Norris. Depois de cinco dias ela morreu.
  • Chuck Norris mata duas pedras com um passarinho só.
  • Quando você diz: “Ninguém é perfeito”, Chuck Norris encara isso como pessoal.
  • Chuck Norris não usa relógio. Ele decide que horas são.
  • Se Chuck Norris se atrasar, é melhor o tempo andar mais devagar.
  • Chuck Norris perdeu a virgindade antes do seu pai.
  • Chuck Norris não anda, ele faz a terra mover-se aos seus pés.

 

O jardineiro é Jesus e as “Árveres somos Nozes”

O Jardineiro é Jesus” virou hit na internet em 2006. A voz é do baiano José Maria Queiroz, que na época tentava lançar seu primeiro CD de música gospel. Seus erros no estúdio acabaram sendo postados pelo seu antigo produtor. Vale a pena conferir!

 

Querido papai noel

O áudio, de 2007, conta a história de um menino revoltado porque teve um bom comportamento o ano inteiro e papai noel não atendeu seus pedidos. Cuidado que o vídeo é recheado de palavrões, mas se você começar a ver não perca o final que é surpreendente 🙂

 

Epic Sax Guy

O meme é de um saxofonista bastante estiloso que ficou marcado depois de se apresentar com a banda Sun Stroke Project num programa Suéco em 2010. Desde de então, ele foi batizado de Epic Sax Guy e viralizou em diversos vídeos em loop e até animação 8 bits. confira também o vídeo original da apresentação.

 

A verdade por trás de alguns memes famosos

Ao longo desses anos de mimema ou mimese (do grego), muitas pessoas e personalidades se eternizaram como memes e pode ser que você não saiba quem são ou porque elas foram escolhidas. Confere aqui embaixo alguns dos mais famosos:

meme-J.-Jonah

JK Simmons interpretando o personagem J. Jonah, rindo de Peter Parker numa cena de Homem-Aranha 2.

 

meme-mr-bean

Mr. Bean com uma de suas belas caras no filme As Férias do Bean.

 

meme-Yao-Ming

Yao Ming, um astro do basquete chinês que soltou esse sorriso hilário durante uma conferência de imprensa.

 

meme-Neil-de-Grasse-Tyson

Neil de Grasse Tyson, um astrofísico que teve este gesto eternizado, durante um programa de TV nos EUA.

 

meme-Peter-Parker

Tobey Maguire interpretando Peter Parker, com uma bela cara de emo e uma expressão assustadora no filme Homem-Aranha 3

 

meme-garoto-triste

Apenas um rosto decepcionado e triste ao fundo, rs.

 

meme-Jacki-Chan

Jackie Chan num momento de confusão, fez essa cara e foi eternizado com o nome meme do “WTF”.

 

meme nicolas cage

Nicolas Cage dá vida ao meme a partir de uma cena do filme de comédia “O Beijo do Vampiro”

 

Bem gente, eu finalizo este post com vontade de colocar muito mais coisas rs. Mas já ficou absurdamente grande.

meme-menina-incendiaria

Deixem um comentário aqui em baixo 🙂

Próximo Post
Post Anterior
Gostou? Então nos ajude compartilhando :)

Fundador e colunista do Blog Design com Café e Cofundador da Azys Inovação. Publicitário com quase duas décadas de experiência em design gráfico, consultoria em marketing, comunicação e treinamentos. Experiência em branding, criação de produtos, UX e UI. Já empreendeu nas áreas de sites e sistemas, educação a distância e nutricosméticos.


E aí, o que achou? Deixe seu comentário.